Faça suas compras de mercado agora no carrefour.com earth icon Escolha seu país logo enseigne Carrefour

Resultado da pesquisa Resultado

Site internacional

Global

Sites nacionais

Tipos de Alimentos In Natura, Processados e Ultraprocessados

Você sabe distinguir e como consumir cada um deles? O Carrefour te ensina!

Do tratamento ao caminho percorrido: tudo interfere na qualidade do alimento que chega a sua mesa.

Para manter uma alimentação equilibrada e saudável, antes de qualquer coisa, é preciso entender o que cada forma de apresentação de um alimento significa e quais os efeitos que ela pode causar em nosso organismo. Ao contrário do que muitos pensam, alimento saudável vai além de produtos orgânicos, fibras, carnes magras, peixes, e outros produtos típicos de cardápios light. Saudável, na verdade, é todo alimento que não recebeu nenhum tipo excessivo de processamento ou industrialização capaz de alterar suas características e propriedades naturais. Embora alguns processos tenham apenas a função de higienizar e fazer com que o alimento dure por mais tempo, outros são tão profundos que levam à perda quase total das propriedades nutritivas. Saber identificar e dosar cada tipo de alimento é fundamental. Pronto para descobrir como fazer isso?

Tipos de processamento

É importante esclarecer alguns termos comuns nos rótulos dos alimentos para que você saiba a melhor forma de escolher o que colocar em sua mesa. Esses termos se referem ao tipo de processamento pelo qual determinado item passou, e que interferem em seu sabor e sua propriedade nutricional. Confira as denominações segundo o Guia Alimentar para a População Brasileira, criado pelo Ministério da Saúde:

In natura: são aqueles de origem vegetal ou animal, e que não sofreram qualquer tipo de processamento antes de serem oferecidos no mercado. Exemplos: frutas, verduras e legumes.

Minimamente processados: são os alimentos in natura que sofreram alterações mínimas na indústria. Esses pequenos processos envolvem limpeza, remoção de partes não comestíveis ou indesejáveis, fracionamento, moagem, secagem, fermentação, pasteurização, refrigeração, congelamento e processos similares que não envolvam agregação de sal, açúcar, óleos, gorduras ou outras substâncias ao alimento original. Exemplos: arroz, grãos, castanhas (sem sal ou açúcar), ovos, leite e carnes frescas.

Ingredientes industriais e culinários: são usados para temperar ou cozinhar. Exemplos: óleos e gorduras, sais e adoçantes, frutose e xarope de milho.

Processados: são produtos fabricados com a adição de sal, açúcar, óleo ou vinagre, e outros aditivos que interferem diretamente em seus valores nutricionais. Exemplos: cenoura, pepino, ervilhas, palmito, cebola e couve-flor preservados em salmoura ou em solução de sal e vinagre; extratos ou concentrados de tomate (com sal e ou açúcar); frutas em calda e frutas cristalizadas; carne seca e toucinho; sardinha e atum enlatados; queijos; e pães feitos de farinha de trigo, leveduras, água e sal.

Ultraprocessados: são formulações industriais elaboradas com cinco ou mais ingredientes. Exemplos: pães, barras de cereais, sucos em pó, biscoito, batatas fritas, bolos, doces, sorvetes e refrigerantes, pratos prontos (congelados), massas, linguiças, nuggets, steacks de peixe, sopas desidratadas, fórmulas infantis e alimentos para bebês.

Acertando na combinação

Como tudo em nossa vida, quando falamos em alimentação, todo excesso também deve ser evitado. Comer de forma mais saudável e balanceada, combinando e dosando os diferentes tipos de alimentos, é fundamental.

Para garantir que seu organismo se mantenha em perfeito funcionamento e bem nutrido, dê preferência aos alimentos in natura e minimamente processados, já que em ambos as propriedades nutricionais, assim como o sabor, permanecem quase que inalterados.

Os ingredientes industriais e culinários devem ser usados com moderação e, idealmente, para dar mais sabor aos alimentos in natura ou minimamente processados.

Os processados e ultraprocessados devem representar a menor porção em sua alimentação, já que, além de pobres em nutrientes, são ricos em calorias, açúcar, sal, gorduras, e aditivos químicos, que quando consumidos em excesso podem prejudicar o bom funcionamento do corpo.

No Carrefour tem tudo para sua alimentação saudável.

Clique e encontre uma loja na sua cidade

Compre agora através do Supermercado Online

 

Descubra outras iniciativas